6-12 Meses

1 dente, 2 dentes, 3 dentes… E toca a gatinhar!

Os primeiros anos de uma criança são cruciais para o seu desenvolvimento físico, emocional e psicológico. Antigamente pensava-se que os dentes de leite não eram muito importantes, no entanto, agora sabemos que a sua formação é vital.
“Não existe um período padrão para cair o primeiro dente ao vosso filho. Alguns bebés nascem inclusivamente com um dente, enquanto outros não têm nenhum até aos 12 meses. No entanto, a dentição normalmente começa aos 6 meses para que vosso filho comece a tomar alimentos sólidos e a habituar-se à mudança na dieta. Irão aperceber-se deste momento porque ele estará bastante irritável, a babar-se, a gengiva ficará vermelha e inchada e poderão sentir o dente a romper. Dê-lhe alguma coisa para morder ou utilize Mitosyl ® Bálsamo Primeiros Dentes – irá acalmá-lo. O bálsamo aplica-se sobre as gengivas do bebé com o objetivo de aliviar a dor, refrescar e proteger as gengivas, graças ao lactosérum, um princípio ativo de origem natural que produz um efeito calmante e refrescante.
A partir dos 6 ou 7 meses, o seu bebé começará a suportar todo o seu peso sobre os joelhos e ancas, mas irá precisar da vossa ajuda para equilibrar-se. Aos 9 meses terá uma grande capacidade de equilíbrio, mas ainda precisa de apoio. A partir dos 10 meses, o bebé provavelmente já dominou o andar de gatas e será capaz de pôr-se em pé, embora tenha ainda dificuldade em voltar a sentar-se. É importante destacar aqui que cada bebé cresce no seu próprio ritmo e que as idades mencionadas são gerais e indicam momentos em que grande parte dos bebés já consegue fazer essas habilidades. Alguns bebés não desenvolvem a etapa de gatinhar e passam diretamente do arrastar para o andar.”

SABIA QUE…?
Mastigar alimentos com texturas mais duras ajudará o desenvolvimento dos dentes. Sintomas como febre alta, vómitos ou diarreia nunca são causados pela dentição, pelo que nestes casos o melhor será consultar o vosso médico.
Aos 11 meses o bebé adora brincadeiras e repetirá qualquer coisa que vos tenha provocado o riso, e também repetirá o seu nome e abanará a cabeça dizendo “não”.
Pouco a pouco irá familiarizar-se com algumas rotinas como agitar a mão para se despedir ou avançar um pé para que o calcem.
No décimo mês o bebé expressa sentimentos. Pode começar a abraçar, acariciar e beijar as pessoas que conhece.

Bibliografia
“Guia completo para cuidar de bebés e crianças” da Dra. Miriam Stoppard
“Meu filho, meu tesouro” do Dr. Benjamin Spock
“Os meus primeiros 100 dias” de José Luis Romero

Loading...