12-24 Meses

Todos os patinhos… Sabem bem nadar

Chegará um momento em que o bebé já será muito grande para uma banheira especial. É hora de usar a banheira dos crescidos.
Aconselhamos a colocarem primeiro a banheira do bebé dentro da grande, para que o vosso filho se vá acostumando mais facilmente. Depois de estar acostumado, passará ali muitas horas felizes, brincando com seus brinquedos favoritos.
Gradualmente, os banhos do vosso bebé tornam-se mais rotineiros dado que ele terá mais mobilidade e tenderá a sujar-se com mais facilidade. Vigiem-no constantemente e nunca o deixem sozinho na banheira. Assim que o vosso filho consiga sentar-se, poderão dedicar algum tempo extra no banho para que ele possa jogar e chapinhar. Só não o deixem levantar-se ou saltar na água, pois uma queda poderia causar-lhe medo do banho, mesmo que não se magoe.
Outro aspeto da higiene do vosso filho é o cuidado dentário. Humedeçam um lenço, coloquem um pouco de pasta de dentes e esfreguem suavemente as gengivas. Para que o seu filho perceba este hábito como uma brincadeira, deixem que ele veja como fazem os pais e dêem-lhe uma escova de dentes macia para que vos imite. Possivelmente não o fará bem, mas será uma forma de introduzir a ideia de que escovar os dentes é uma coisa divertida.

SABIA QUE…?
Mesmo os bebés mais crescidos necessitam que a água esteja bastante mais fria do que a maioria dos adultos. Verifique sempre a temperatura da água.
Muitos bebés ficam assustados com o barulho da água a sair pelo ralo. Não tire o tampão antes do seu filho estar fora da banheira.
Dar-lhe um abraço depois de secá-lo, quando está embrulhado na toalha, é um final reconfortante.

Bibliografia
“Meu filho, meu tesouro” do Dr. Benjamin Spock
“Os meus primeiros 100 dias” de José Luis Romero
“Bebés-Bio” de Claire Gillman
“Beija-me muito” de Carlos González

Loading...